Crônicas: Mundos e mundos

by - novembro 03, 2022



Hoje é 03 de novembro de 2022. Dia seguinte ao dia de Finados, são 8:36 da manhã.

Ontem foi um dia nublado e chuvoso em várias regiões, o tempo parecia refletir o ânimo de muitas pessoas. As homilias falavam sobre a vida e a morte, os nossos anseios de eternidade e os novíssimos. Mesmo as boas homilias omitiram a palavra "inferno".

No restante do país parece que, mais claramente, passamos a viver vários "mundos". Passeatas enormes foram feitas em prol de algo um tanto incerto, talvez por se tratar de uma manifestação de existência, que por si só já é uma resistência. Existir pode se tornar motivo de incômodo. 

Já os jornais nada noticiaram e grupos do Telegram tomaram um delicioso chá de sumiço por motivos legalmente superiores.  

Enquanto isso, num outro mundo, a Luluzinha, está a falar Bon Jour e Buenas em menos de 72 horas. E isso é noticiado alegremente, pois é sinal de sublime eficiência. Youtubers Luluzinhas viajam para o exterior em plena alta do dólar.

Mesmo em meio a tudo isso, por aqui o dia correu cinzento, algum barulho de carros e um hino nacional perdido nas rajadas do vento. 

Agora são 8:47 da manhã, não tomei café ainda, pois estava pensando enquanto respondia as perguntas sobre o Purgatório. 



You May Also Like

1 comentários

  1. Que texto ! 🙏Parecia que enquanto lia escutava a sua doce voz.

    ResponderExcluir

Olá, Paz e Bem! Que bom tê-lo por aqui! Agradeço por deixar sua partilha.